LPF – LOW PRESSURE FITNESS ou Técnica da barriga negativa

O que é?

Consiste em uma nova técnica baseada em neurociência por estudiosos da Espanha. A técnica ganhou tanto destaque que tem se difundido crescentemente nos últimos anos devido a sua eficácia. Ela consiste em manter a pressão negativa na cavidade abdominal, dessa forma deixando a “barriga negativa”. Ela é capaz de afinar a cintura em questão de semanas, tudo isso com posturas específicas desenvolvidas por mestres e doutores que testaram e comprovaram os efeitos da técnica.

Como a técnica funciona?

Quando inspiramos e temos ar na nossa cavidade pulmonar e abdominal, temos pressão positiva. Ao trabalharmos retirando todo este ar, neutralizamos as pressões. Ao fazer a manobra hipopressiva (de sugar o abdômen abrindo as costelas – vácuo abdominal), tornamos esta pressão negativa. Com isso, afina-se nossa cintura, centraliza-se nossas vísceras, ativando transverso abdominal (nosso músculo em forma de cinto), elevando períneo além dos diversos efeitos fisiológicos que iremos mencionar.

Quais os benefícios?

-redução de dores crônicas;

-liberação de bandas musculares tensas;

-aumento da nutrição muscular pela melhora da oxigenação;

-melhora do retorno venoso;

-promove uma drenagem linfática fisiológica;

-reduz o edema abdominal;

-melhora a mobilidade diafragmática, o que aumenta a expansão torácica e o vácuo abdominal;

-melhora a capacidade respiratória;

-melhora a performance em todas as atividades esportivas;

-protege as vísceras e coluna pelo aumento do tônus dos músculos que integram o core abdominal (músculos que compõem o centro do nosso corpo dando sustentação às vísceras);

-melhora a postura;

-mantém a harmonia corporal;

-melhora flexibilidade articular e alongamento muscular;

-melhora a postura;

-trata e previne incontinência urinária;

-trata e previne diástase abdominal;

-otimiza o pós parto e pós cirúrgico;

-regula níveis hormonais;

-reduz sintomas depressivos;

-aumenta a produção de colágeno em todo o corpo (muito importante não só para a pele, mas para as articulações);

-afina a cintura;

-melhora consciência postural;

-melhora equilíbrio e

-aumenta a concentração.

O LPF emagrece?

Apesar de o corpo ficar mais fino e harmonioso, o LPF não é uma atividade de emagrecimento. Pode haver perda de peso devido ao gasto calórico, mas é relativo e não uma regra. O que acontece é que mesmo sem haver perda de peso, como o músculo irá tonificar, quanto mais este músculo em formato de cinto apertar, mais fina a silhueta irá ficar. Então você poderá notar redução de medidas de até 10 cm em 12 sessões sem contudo perder peso.

E como funcionam as sessões?

É imprescindível que seja realizada da avaliação antes de iniciar a prática da técnica. Você faz a avaliação e é orientado a fazer a respiração pois se trata de respiração seguida de vácuo mas tudo com suas particularidades.  Você irá fazer um aquecimento respiratório, uma seqüência de posturas que ativam as fibras musculares de sustentação do corpo, específicas da técnica e planejadas especialmente para seu tratamento, finalizada com manobras de relaxamento para manter as fibras musculares livres de tensão.

Na La Santé trabalhamos com pacotes  de 12 sessões com reavaliação após 6 e após 12 sessões. É realizada uma sessão semanal e o paciente deve realizar 5 minutos diários para potencializar os resultados. A aula tem duração de em média 50 minutos. Tanto homens, quanto mulheres quanto crianças podem praticar.

ATENÇÃO!

Procure sempre profissional certificado em LPF para realizar a prática correta da técnica e contar com as correções necessárias para se ter um bom resultado. O site do LPF no Brasil indica a você os licenciados certificados pela sua região, basta digitar seu cep. Confira:

https://www.lpfbrasil.com.br/encontre-um-licenciado/

Na La Santé Nossa Profissional é a Fisioterapeuta Danieli Boza, CREFITO 173793-F, certificada em LPF níveis I,II e III e especialização Wall Series.

Danieli Boza
FISIOTERAPEUTA
CREFITO 173793-F

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *